6 Dicas para Criar Infográficos Incríveis para suas Histórias

6 Dicas para Criar Infográficos Incríveis para suas Histórias

Ao trabalhar em um artigo ou post do blog, pode ser um desafio encontrar o conteúdo multimídia certo para compor o seu texto.

Você pode não ter sempre o tempo ou meios para produzir um vídeo, ou ele pode não ser a melhor opção para o conteúdo. Talvez, você não tenha fotos e certeza se quer usar um banco de imagens.

No entanto, algumas dessas frases podem ser verdadeiras:

  • Você tem alguns números ou dados importantes
  • Você acredita que poderia usar símbolos ou iconografia para ajudar a explicá-los
  • Você tem um conjunto de dicas que podem se bullet points ou instruções passo-a-passo
  • Você tem um tema focal que pode se tornar uma imagem que as pessoas vão querer compartilhar

Em qualquer um destes casos, a criação de um infográfico para mostrar seus dados pode ser mais vantajoso para contar a sua história.

Uma vez que convencido de que um infográfico é o que você precisa, existem alguns prós e contras de ter espectadores lendo e compartilhando seu conteúdo.

O QUE NÃO FAZER

Não tente abordar vários temas.

Seu artigo é realmente o lugar para expandir ideias. O infográfico é sua chance de resumi-las –e provocar o público – sobre o conteúdo que o acompanha. Um foco limitado ajuda você a ser capaz de obter um rápido conjunto de fatos sobre um único tópico para o seu público através de meios visuais. Se limite a um tema ou conjunto de dados, se possível. Se alguém olhar, e souber imediatamente a sua mensagem, você conseguiu.

Não encha o seu infográfico com muitos dados ou frases longas.

Não encha o seu infográfico com muitos fatos que as pessoas nem sequer vão começar a lê-lo. É comum ver infográficos longos e finos que continuam a compartilhar seus dados abaixo da página. Embora isso possa ser eficaz se você tem muitos dados para compartilhar, e não tem outra opção, é melhor ter um infográfico que com uma única seção de informações. Se você precisa fazer um infográfico longo para o seu conteúdo, o quebre em pedaços menores que possam ser compartilhados separadamente um do outro. Isso está “OK” para se ter mais de um infográfico!

Não esconda informações em um infográfico que não estão também no seu texto.

Esta dica é especialmente importante se você estiver usando o seu infográfico em conjunto com importantes notícias financeira, legais ou regulamentares. Não enterre fatos em um infográfico e se não for cobri-los em seu artigo. Você quer que esse infográfico ajude a sua credibilidade se estabeleça como um recurso criativo. Esta é uma oportunidade para destacar seus pontos mais importantes de uma forma atraente e visual – use isso!

O QUE FAZER

Preste atenção na organização.

Organizar o seu conteúdo de uma maneira que faça sentido para aqueles que procuram, pode ser tão importante – se não for ainda mais importante – do que a própria notícia. Passe algum tempo planejando o que você quer dizer e coloque isso de uma forma que, de forma imediata e aparente, seja identificado à primeira vista. Se o leitor tem que gastar muito tempo tentando descobrir o fluxo do infográfico ou manter o controle da mensagem, parte da retenção para sua informação será perdida. Vale a pena ter tempo para usar títulos de seções, linhas, alterações de cor e sombras para ajudar a organiza-lo de forma eficaz.

Mostre o impacto com tipografia e cores.

Tipografia pode ser uma ferramenta poderosa para ajudá-lo a expressar a sua mensagem. Se você quer inspirar alguém a agir, talvez você possa usar uma fonte em negrito ou ainda mais ousada. Se você tem uma mensagem mais elegante e refinada, talvez você queira usar uma fonte escrita. Se a mudança de fonte pode ajudá-lo com o objetivo do seu infográfico, considere mudar.

A cor é igualmente importante. Cores não são apenas uma marca ou prestando atenção a avaliação psicológica de que as cores são mais eficazes em mensagens. Use cores para chamar a atenção para palavras ou frases importantes, organizar o conteúdo, ou para se correlacionar com a simbologia da sua mensagem. Se você tem um aviso urgente, você provavelmente não quer que isso seja um texto amarelo sobre um fundo branco, por exemplo.

Ilustre o seu ponto.

Um infográfico é uma oportunidade única de usar símbolos e iconografia para trabalhar como uma mensagem subliminar para o telespectador. Muito parecido com a seta no logotipo da FedEx, um bom ícone ou símbolo pode ser tão eficaz como muitas palavras. Você não precisa dizer a um leitor sobre o índice de calor se trabalhar com um termômetro em seu infográfico, por exemplo. Com um pouco de planejamento para uma imagem simples, você pode acrescentar muito mais à sua mensagem em um curto espaço de tempo do que parágrafos de texto podem fazer por você.

6 Dicas para Criar Infográficos Incríveis para suas Histórias

Você é um jornalista, blogueiro ou criador de conteúdo e está à procura de multimídia? Assine o PRNJ hoje e tenha acesso a milhares de fotos, vídeos, áudios e outros documentos para download, incluindo infográficos e muito mais. É fácil e gratuito.

Texto traduzido do post escrito por Jaimee Bruening no Blog Beyond Bylines, no dia 23 de março de 2016. Jaimee é um Gerente de Serviços on-line da MultiVu / PR Newswire.

Traduzido e adaptado por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

Anúncios

10 Dicas para Criar Infográficos de Sucesso

10 Dicas para Criar Infográficos Bem-Sucedidos

Os infográficos têm um papel cada vez maior nos projetos visuais para contar histórias. Quando são projetados racionalmente, eles apresentam recursos visuais que chamam a atenção e que também ajudam o leitor a compreender melhor e se lembrar da mensagem. Para o leitor, esse valor agregado estimula o engajamento e o compartilhamento.

Com base em minha experiência na criação de infográficos usados nos press releases, posts em blogs e apresentações da PR Newswire, aqui estão algumas dicas e boas práticas para criar infográficos que promovam resultados:

Fundamentos do projeto
Essas dicas aplicam-se a qualquer parte de um projeto para se chegar ao melhor resultado.

#1. Esboce primeiro, refine depois. Antes de se afundar em Photoshop, Illustrator, etc., faça o esboço de suas ideias no velho e bom papel. Meu processo começa, em geral, com um esquema aproximado ideias agrupadas. Assim que consigo a visualização inicial de meus próprios pensamentos, posso fazer ajustes rápidos em outro esboço de layout, antes de começar a trabalhar nos melhores programas da Adobe.

#2. Peça feedback. Como no caso das empreitadas mais criativas, ter os colegas de trabalho analisando o projeto pode ajudá-lo a tornar a peça ainda mais sólida. Frequentemente peço a opinião dos colegas de equipe não projetistas bem no início do processo para me assegurar que o conceito está sendo transmitido claramente. Volto a eles novamente no final para a sintonia fina.

#3. Comece em alta resolução. Sempre se pode reduzir a imagem, mas ampliá-la exige mais tempo e recursos.

Flexibilidade multiuso >>> Os infográficos podem assumir muitas formas e serem usados em diversos canais. Considerar esse aspecto no início do processo de projeto economizará tempo e dinheiro.

#4. Alinhe-se com a história. A primeira coisa a considerar é o motivo para criar essa imagem, apoiar a história numa campanha, post em blog, press release, etc.  As informações que compartilha no recurso visual devem se alinhar com o texto principal. Assegure-se de que os termos, a estrutura e o tom sejam consistentes para proporcionar apoio coesivo à história escrita.

#5. Fortaleça-o para torná-lo independente. Provavelmente você quer que os usuários compartilhem sua imagem na mídia social, assim ela precisa ter sentido sem o texto que acompanha a história. Tenha a certeza de incluir um título claro para indicar ao leitor o que esperar do gráfico. Se estiver direcionado para um público de nicho, assegure-se de esclarecer esse contexto no título ou subtítulo.

#6. Planeje usos alternativos. Todos temos recursos limitados, você não vai querer ocupar seu tempo ajustando seu incrível projeto a posteriori. Fique ciente sobre as variações comuns e planeje de acordo. Em geral, posso dizer que você deve estar preparado para estes dois cenários:

    1. Apresentações: Alguém na organização gostará de incluír o infográfico num conjunto PowerPoint em algum momento. Eu sempre me asseguro que os dados apresentados no estejam em layout paisagem, que pode ser facilmente cortado e colocado num slide.
    2. PDFs fáceis de imprimir: Seja para uso como garantia de vendas ou distribuição em evento, é provável que alguém queira imprimir o infográfico no futuro. Tendo isso em mente, começo os layouts em tamanho padrão de papel (8,5 polegadas x 11 polegadas), em alta resolução, deixando uma margem mínima de 0,25” de espaço em branco.

Fácil visualização >>> A tendência de visualização de dados que exigem rolagem longa, já esteve na moda e foi embora. Os leitores buscam rajadas curtas de conteúdo visual.

#7. Restrinja o foco. Mantenha o nível de atenção do público limitado, restringindo o foco visual para a essência da mensagem. Sua meta final deve ser transmitir claramente uma ideia. Se houver mais pensamentos e ideias que queira incluir, considere as seguintes opções:

  • Itens de apoio devem assumir uma posição visual sem importância em relação ao ponto principal. O olhar do leitor deve claramente fluir primeiro do título para a ideia principal.
  • Ideias semelhantes, mas igualmente fortes, podem se beneficiar de gráficos separados e próprios. Por que espremer tudo em um, quando se pode criar uma série curta.
  • Talvez um único infográfico não seja a melhor solução visual para a mensagem. Para ideias complexas e compostas, um vídeo pode ser mais compatível para transmitir a mensagem. Ou, para unificar uma série de infográficos, considere a criação de apresentação no Slideshare e/ou um PDF.

#8. Corte palavras em excesso.
Os infográficos devem sempre ser fáceis de visualizar e compreender rapidamente. Limite o texto de apoio a uma única sentença sempre que possível. Se for necessário um parágrafo para explicar um recurso visual, provavelmente este não é o recurso certo para ser usado. Mesmo que esteja criando uma lista de recursos visuais, a concisão continua a ser a principal prioridade.

Voltado para dispositivo móvel. Os públicos investem cada vez mais tempo nos smartphones e tablets e isso inclui ver o seu infográfico. Tenha certeza de que será bem fácil para eles visualizá-lo em dispositivos menores.

#9. Evite textos minúsculos. Não obrigue o público de dispositivo móvel a entrecerrar os olhos. Como regra prática, tento manter o texto de detalhe em ou acima de 12 pt (no arquivo original de 300 dpi).

#10. Leve em consideração as telas Retina. Embora as telas tenham se tornado menores, a resolução duplicou. Garanta que o trabalho não apareça tremido ou pixelado em tablets de alta definição, duplicando a largura e o comprimento padrão da especificação de 72 dpi. Por exemplo, se estiver publicando um gráfico no blog no qual o tamanho de imagem padrão é de 500X250, precisará gravar a imagem para 1000X500 com 72 dpi.

Agora que criou um infográfico de sucesso, assegure-se de conquistar a atenção que ele merece, promovendo-o em todos os canais “P.E.S.O.” – Paid, Earned, Social & Owned (pago, espontâneo, social e proprietário).

A PR Newswire oferece benefícios a membros que lhes permitem facilmente armazenar, organizar e incorporar recursos visuais em campanhas usando Media Studio no Online Member Center. Clique aqui para saber mais.

Este texto foi traduzido do post escrito por  Jamie Heckler no Blog Beyond PR, no dia 06 de agosto de 2014.

Jamie Heckler é Gerente de Criação Sênior da PR Newswire. Siga-a no Twitter em @jamieheckle.