7 Passos para Melhorar o seu Visual Storytelling


De melhorar o seu poder cerebral para aumentar o engajamento do público com o seu conteúdo, nós discutimos todas as razões do por que “doodles” surpreendentes devem ser parte de sua vida profissional e de Content Marketing.

7 Passos para Melhorar o seu Visual Storytelling

Se você ainda não começou a rabiscar em sua mesa, considere isso meu desafio pessoal para você para 2016. Aqui estão alguns passos para você começar.

1º Passo: Decida que fazer por si mesmo

Vamos cair na real por um momento: Você não vai se tornar um comunicador visual surpreendente de uma hora para a outra. É necessário praticar. Mas há uma boa notícia: até mesmo seus desenhos mais horríveis ainda podem ser úteis.

Pesquisas mostram que toda vez que você faz seus rabiscos no papel, está ajudando o seu cérebro a absorver novas informações ou resolver um problema de forma mais eficaz. Portanto, dê o primeiro passo, comprometendo-se a fazer um esforço.

2º Passo: Comece com o familiar, “Doodle” Suas Palavras

É importante lembrar que doodles não precisam ser complicados, ou até envolver imagens. Comece rabiscando palavras. Em sua próxima reunião – ou ao ouvir um podcast, ou webinar evento ao vivo – tente tomar algumas notas visuais. Comece por simplesmente escrevendo palavras e frases em uma folha de papel.

Agora, para o super técnica, estendendo o cérebro doodle-y parte:

  • Identifique quais palavras são mais importantes. Aplicando negrito (“bold”) nestas palavras de rastreamento duas ou três vezes. É muito meditativo, e ouso dizer “divertido”.
  • Criar uma ordem, separando suas ideias. Divida sua página de palavras e frases com linhas. Super linhas retas são raras – se estiver retinho, muito bem. Você também pode rabiscar, ponto e traço como um louco, enlouqueça!
  • Desenhe uma borda ao redor da frase mais importante. Observe como agora, seus olhos começam a se inclinar em direção a suas anotações. É a pura magia do doodle.
  • Veja como as ideias estão relacionadas. Visualize o link entre estas palavras e frases por desenho. Se for um processo, mostre o fluxo através de cada passo, adicione flechas/setas. Não se assuste se as coisas começam a ficar confusas. Você está ajudando o seu cérebro, literalmente, ver como essas ideias estão próximas. A solução de um problema nem sempre é bonita.

Parabéns, você está rabiscando!

7 Passos para Melhorar o seu Visual Storytelling

3º Passo: Expandir seu vocabulário visual

Quando você aprendeu a ler e escrever, começou pelo ABC. Bem, há também um alfabeto visual. É tão simples quanto, e você provavelmente já desenhou todos esses elementos pelo menos uma vez em sua vida.

7 Passos para Melhorar o seu Visual Storytelling

Como compartilhado por Sunni Brown em seu livro, The Doodle Revolution, estes 12 elementos de linguagem visual são o alicerce para toda imagem que se possa imaginar. Então, vamos começar a desenhar algumas palavras.

Escolha uma palavra ou ideia da sua lista e pense em uma imagem simples (como um ícone) que melhor a represente. Como você visualizou a imagem em sua mente, observe como ela é uma combinação de elementos do alfabeto visual. Uma vez que você tenha quebrado mentalmente estes pedaços menores, você está pronto para rabiscar sua imagem, chamando cada um desses elementos em conjunto para montar a imagem maior.

7 Passos para Melhorar o seu Visual Storytelling

4º Passo: Crie memória muscular

Tal como acontece com qualquer habilidade, a prática é importante. Tenha em mente que seu objetivo é comunicar melhor suas ideias através de recursos visuais, e não criar obras de arte.

Em minha conversa recente com o “rabiscador profissional” Scott Torrance, ele explica, “Não é sobre o quão reto é a linha, mas confiança. Rabiscar reforça o seu pensamento. Se o desenho é inseguro, ele transmite incerteza para aquilo que você está fazendo. Parecido com não conseguir transmitir um pensamento por uma frase ou parágrafo. Desenhar uma ideia me faz pensar de forma diferente sobre isso e faz você olhar para um objeto diferente. Estabelecer memória muscular é vital [para desenhar doodles confiantes]. Isso requer prática”.

Depois de terminar um rabisco, separe algum tempo para revê-lo com outros olhos. Estude seu impacto. Sem ser muito crítico com suas habilidades de desenho, determine se ele representa as ideias que você deseja comunicar. Se você tivesse que criar outro doodle sobre esta mesma ideia, considere se há um ângulo visual melhor ou abordagem que você poderia adotar.

Esta miniapresentação de Mike Rohde, autor de The Handbook Sketchnote, oferece outras dicas e inspiração enquanto você pratica.

5º Passo: Compartilhe seus Doodles com os outros

Se a ideia de compartilhar seus doodles o deixa nervoso, eu lhe asseguro que é normal. Volte ao início quando falamos de adquirir uma nova habilidade, você provavelmente vai observar alguma trepidação. Meu conselho é começar com situações de baixo risco e continue a construir o seu progresso, ampliando o seu círculo de compartilhamento.

Torrance incentiva, “Apenas tenha confiança para compartilhar o que você desenhou e pronto. As pessoas geralmente são muito receptivas. É muito parecido ao falar em público. Você não tem que ser um orador fantástico para conseguir ou obter apoio do público. Provável que seu público seja mais tolerante e compassivo do que você com o seu próprio trabalho”.

Kelly Kingman, um experiente documentarista gráfico em eventos ao vivo, reflete este sentimento e recomenda uma abordagem “faça-você-mesmo” para a acabar com mais esse medo. “Na sua próxima reunião, basta ir até a lousa e começar a tomar notas, e desafie-se colocando alguns ícones para cada ideia. Compartilhe a suas notas visuais de experiências com seus colegas para ganhar velocidade em reuniões e conferências. Desenhe algumas de suas ideias da próxima vez que você der uma apresentação. Você vai se surpreender com o quanto as pessoas curtem a mínima quantidade de comunicação visual, mesmo que você ache suas tentativas horríveis. Sua coragem inspirará outros a tentarem também”.

6º Passo: Lustre seu trabalho

Quando perguntado sobre qual conselho Torrance tem para iniciantes, ele oferece esses dois aplicativos como os melhores hacks para a criação de doodles digitais mais sofisticados.

Para trabalhar de forma analógica com papel e lápis reais, o app CamScanner transforma o seu smartphone ou tablet em um scanner digital para conversão rápida e fácil.

Usando uma caneta, o aplicativo Paper ajuda a criar doodles digitais refinados e incluir forma de botões para desenhar quadrados perfeitos, etc. A empresa também oferece um aplicativo de desenho digital mais avançado chamada Pencil.

7º Passo: Incorporar Doodles em Content Marketing

Com sua capacidade única de perturbação visual e engajamento inconsciente, doodles podem melhorar seu Storytelling. Eles não serão sempre a solução visual certa – leia meu post anterior “Por que Incorporar ‘Doodles’ em seu Content Marketing” para obter mais informações.

Uma vez que você estabeleceu suas habilidades e confiança, é hora de começar a compartilhar sua comunicação visual com o seu público. Mas, assim como você gostaria de pedir a um colega para revisar um artigo escrito, certifique-se de obter feedbacks antes de clicar no botão “publicar”.

Incorporando até mesmo componentes de multimídia simples em press releases e outros conteúdos podem fazer uma enorme diferença em termos de eficácia.

A chave é saber qual combinação de recursos visuais, formatação, distribuição e geração de relatórios irá funcionar melhor para o seu público. Confira Press Releases that Stand Out in the Digital Age para mais storytelling visual e dicas para criação de conteúdo.

Texto traduzido do Blog Beyond PR, publicado por Jamie Heckler no dia 09 de dezembro de 2015. Jamie é Gerente Criativa Senior na PR Newswire.

Traduzido e adaptado por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

Anúncios

Sobre PR Newswire
Distribuição de Press Releases e Monitoramento de Notícias. Distribución de Comunicados de Prensa y Monitoreo de Medios.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s