Curadoria: Conteúdo para uma Presença Social Consistente


Mesmo para o mais experiente profissional de social media, há dias em que a gestão da presença social de uma marca pode ser assustadora.

Curadoria: Conteúdo para uma Presença Social Consistente

Não é suficiente apenas incluir mídia social na sua estratégia de marketing e selecionar algumas plataformas para colocá-la em prática. Dia após dia, você tem que carregar – e descarregar – seus cofres de mídia social com conteúdo novo,  útil e sob medida para as necessidades de cada plataforma.

Você poderia criar conteúdo original suficiente para encher sua agenda social, de um dia inteiro, todos os dias? Provavelmente não.

Felizmente, há uma solução simples.

Curadoria de conteúdo envolve a busca criteriosa de conteúdo de terceiros por toda a web e compartilhá-lo com seus seguidores.

Por que fazer a curadoria de conteúdo?

Embora a frequência varie de canal para canal, o sucesso da mídia social depende de manter uma regularidade de posts diários. Por exemplo, entre as 3 principais, a PR Newswire tende a publicar entre 1-2 publicações no LinkedIn, 3-4 posts no Facebook e 8-10 tweets por dia.

Incluindo a curadoria conteúdo em sua programação diária ajuda a estabelecer essa consistência. Seus seguidores atuais – e futuros – começarão a notar um padrão em suas mensagens e antecipar mais conteúdo de você.

Além disso, a maioria das plataformas sociais incentivam o compartilhamento. Apostar apenas em seu próprio conteúdo não é recomendado.

Você deve (estrategicamente) selecionar conteúdo de terceiros que complementa a voz da sua marca e reforce sua estratégia de marketing. Publicar conteúdo que seu público pode achar valioso, ajuda a construir confiança e fazer os leitores mais receptivo para o conteúdo próprio da sua marca.

Além disso, você pode manter sua posição de líder de pensamento em uma determinada área pela curadoria especificamente de artigos de terceiros, que você pode se conectar ao trabalho feito por sua marca.

Curadoria: Conteúdo para uma Presença Social Consistente

Onde você deve fazer curadoria de conteúdo?

Ok, então agora que já vimos o “porquê”, onde você deve olhar para compartilhar conteúdo?

Como alguém que faz isso todos os dias, o meu feed de notícias no Twitter é preenchido por agências de notícias e profissionais que compartilham os mesmos interesses que eu.

Estou sempre monitorando o que é tendência no Twitter e outras plataformas sociais. Eu olho especificamente dentro do meu mercado, mas também vejo as hashtags mais populares no mundo, os trending topics e os assuntos mais atuais do dia.

Você quer mergulhar nas conversas de um assunto específico. O rastreamento manual é cansativo, considere o uso de uma ferramenta de monitoramento de mídia social para concentrar seus interesses em um só lugar.

Depois de eu encontrar um tópico interessante nas mídias sociais, eu faço uma busca no Google para e clico na aba Notícias.

Você também pode tirar proveito dos alertas do Google ou do bookmarking de algumas publicações como Feedly e deixá-los fazer um pouco do trabalho para você.

Como fazer a curadoria de conteúdo?

Depois de encontrar o conteúdo que você sente que irá beneficiar e melhorar a mensagem que sua marca está projetando, fornecendo informações valiosas para a sua comunidade, é hora de publicá-lo.

Quando se trata de curadoria, a regra nº 1 é: Não se esqueça de dar o devido reconhecimento. Curadoria de conteúdo compartilhar o trabalho de outra pessoa, por isso deve ser dado o crédito.

Além do reconhecimento, a forma como você compartilha seu conteúdo vai depender de cada plataforma de mídia social. No Twitter, você pode tirar proveito e brincar com os 140 caracteres, o mesmo não vale para o ambiente profissional do LinkedIn.

Aqui estão algumas considerações para cada uma das “Big 3”:

  • Facebook: O tamanho ideal de um post é de 40 caracteres. Isto pode ser difícil, mas é fato. Sem mais, visualize seu post e certifique-se que é visualmente atraente, evitando “palavras viúvas”. Quando se trata de dar o devido reconhecimento pelo conteúdo de terceiros, a pré-visualização do artigo já diz tudo, fornecendo o título original, legenda curta e quem o originou.
  • LinkedIn: O compartilhamento de conteúdo no LinkedIn, o tamanho recomendado é de 70 caracteres. Mais uma vez curto, doce e ponto. Embora ligeiramente mais longo do que o Facebook, minha crença é que os usuários do LinkedIn apreciam um pouco mais de profundidade e descrição e respondem melhor quando as mensagens têm um tom profissional. Dar crédito aqui é semelhante ao Facebook. A pré-visualização do post menciona o website e o autor, por isso não é necessário adicionar sua própria atribuição, mas se for feito não será desaprovado.
  • Twitter: Enquanto os tweets são limitados a 140 caracteres, é recomendado que você os mantenha em torno de 100 para conseguir o desempenho ideal. A maior diferença entre a curadoria no Twitter Vs. Facebook e LinkedIn é que você tem que adicionar manualmente os créditos nos tweets selecionados pela curadoria. Normalmente, isso é feito através da inclusão do perfil no Twitter do autor em seu tweet. Por exemplo, você pode usar a assinatura “~via @XYZ” ou coloque em parênteses como (@XYZ) no final da sua mensagem.

Além dessas melhores práticas específicas de cada canal, pense em como você pode adicionar sua própria visão para o artigo quando compartilhá-lo. Não há problema em ir além de twittar a manchete fazendo uma pergunta ou destacando uma citação ou estatística.

E, finalmente, como acontece com qualquer conteúdo que você faz a curadoria ou cria, certifique-se que você está usando as hashtags certas, analisando quais posts conduzem o maior número de cliques, e usando gráficos, vídeo e até mesmo GIFs para fazer seu post se destacarem nas redes sociais.

Social Media agora é parte fundamental de marketing e você precisa tratá-la como tal. Isso significa investir nas pessoas que irão fortalecer a posição de sua marca, e em ferramentas para gerenciar tudo isso.

Leia o nosso whitepaper Justifying a Media Monitoring Service para saber por que é necessário dar um passo além do monitoramento de mídia social e tradicional para desvendar o conteúdo, tendências e conversas que estão direcionando seu mercado.

Texto traduzido do Blog Beyond PR, publicado por Ryan Hansen no dia 22 de outubro de 2015. Ryan é Gerente de Social Media na PR Newswire.

Traduzido e adaptado por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

Advertisements

Sobre PR Newswire
Distribuição de Press Releases e Monitoramento de Notícias. Distribución de Comunicados de Prensa y Monitoreo de Medios.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s