Por que Incorporar ‘Doodles’ em seu Content Marketing


Recentemente escrevi um post sobre “rabiscos e negócios” onde eu apresentei ideias do The Doodle Revolution de Sunni Brown sobre como rabiscar pode ajudar todos os tipos e cenários de negócios, como para resolução de problemas, comunicação, retenção e recall.

Por que Incorporar ‘Doodles’ em seu Content Marketing

Usar Doodles em Content Marketing

Neste ponto, no tempo onde o visual desempenha um grande papel em nossas vidas e em nosso dia-a-dia, onde os livros de colorir para adulto estão ganhando popularidade, e onde a sobrecarga digital nos torna nostálgicos de por objetos tangíveis, como o papel, faz sentido estarmos prontos para abraçar os doodles como nunca antes.

Como uma profissional de Marketing de Conteúdo, eu queria explorar ainda mais a ideia de usar desenhos manuais como parte de uma narrativa visual de marca. Na semana passada tive a oportunidade de conversar com Scott Torrance (@scottorrance), autor de um excelente artigo no Medium: “Doodles Take Their Seat at the Content Marketing Table”. Torrance argumenta que os doodles são uma combinação eficaz para a estratégia de Content Marketing e essencial em sua caixa de ferramentas para os negócios.

Por que Incorporar ‘Doodles’ em seu Content Marketing

Como o Doodle se Ajusta à Caixa de Ferramentas do Visual Storytelling

Em minha conversa com Torrance, três fatores-chave emergentes devem estimular o uso do “simples rabisco” como uma ferramenta para muitos profissionais de Marketing de Conteúdo.

  • Ruptura Visual: Torrance afirma: “Um ano atrás, era suficiente apenas ter um elemento visual. Hoje você precisa ser diferente”. Com aplicativos como o Instagram, Wordswag e Canva, criar imagens sofisticadas não requer mais habilidade profissional. O resultado é um cenário digital inundado por imagens lindamente parecidas, o que diminui o seu valor para chamar a atenção. Em toda a sua glória sem sofisticação, os doodles proporcionar um nítido contraste com este fluxo de imagens digitalmente refinadas.
  • Autenticidade e Humanização: Como uma impressão digital, estilos de doodle são exclusivos de seus criadores e, portanto, evocam um senso de conexão pessoal. Sobre seus desenhos Torrance observa, “As arestas são as bordas irregulares do meu pensamento”.
  • Engajamento no Subconsciente: Torrance acredita que quanto mais finalizada estiver uma imagem tudo o que resta é o julgamento de quem a vê. “Quando você usa doodles, há um convite para o subconsciente para o espectador se envolva com a imagem e ajude a completa-la”. Como ele coloca, “O Doodle é o começo da fermentação de ideias”. Eles transmitem apenas o suficiente para definir o seu ponto de vista, mas também abrem as portas para os espectadores para trazerem suas próprias opiniões e pressupostos de maneiras que não acontecem com imagens finalizadas ou com textos.

Torrance adverte que é importante focar na intenção e no contexto de seu conteúdo. Há momentos em que o seu conteúdo precisa fazer uma declaração oficial. Neste caso, você não quer que as pessoas tragam suas próprias opiniões, então um doodle não vai ser a solução visual certa.

Doodles de Marketing em Ação

Quando perguntado como ele incorporou doodles em suas ações de marketing, Torrance foi rápido em responder: “Meu site é uma grande doodle que você pode navegar, porque eu queria que não fosse um website de ‘blá blá blá’. Queria que você entrasse em uma pequena aventura… uma viagem. Cada um dos doodles [dentro de um site grande do doodle] são esculpidas em pequenos pedaços de conteúdo que podem ser compartilhadas no Instagram, Twitter e Facebook, coisa que um texto sozinho não pode fazer”.

Por que Incorporar ‘Doodles’ em seu Content Marketing

Ele explicou que os doodles começaram como parte do processo de planejamento estratégico em sua consultoria de negócios e agora está no centro para o compartilhamento de conteúdo. “Eles tocam no modo de aprendizagem das pessoas. Somos todos animais visuais. Conteúdo visual realmente atinge um público que não está interessado em ler posts de blogs tradicionais”.

A primeira vez que eu incorporei doodles, foi em um post sobre um evento que eu estava participando. Ele recebeu 3 vezes mais tráfego do que normalmente”. A partir disso, ele tomou uma abordagem mais estruturada. Usando o mesmo post, ele criou várias versões que variaram o equilíbrio entre os recursos visuais e texto.

Os resultados são bastante interessantes. “Ao longo do experimento, posts em “puro texto” recebeu a maior baixa em visibilidade, a mistura de texto e doodles ficou no meio com 2-3 vezes mais visibilidade, e a versão doodle recebeu 10 vezes mais visibilidade do que “puro texto”.

Por que Incorporar ‘Doodles’ em seu Content Marketing

Pratique, Pratique… então Compartilhe, Compartilhe

Enquanto eu sou uma líder de torcida, que prontamente incentiva todos a assumirem o doodling, Torrance assume uma postura mais reservada para seu uso em marketing de conteúdo. Ele observa que doodles, compartilhados entre um grupo pequeno e conhecido, requerem muito menos refinamento em comparação com quando são usados para se comunicar com um público mais amplo.

Há um argumento comum de que não é preciso muito talento ou pensar para rabiscar. A realidade é que muitas vezes é mais difícil do que parece… Não exagere na simplicidade”.

Como profissionais criativos com anos de experiência em nosso ofício, ele me lembrou que muitas vezes temos uma visão distorcida do que é fácil. Desenhar, como qualquer outro esforço físico, requer a construção de memória muscular. É preciso práticar.

Torrance adverte que um doodler sem confiança compromete sua mensagem. “Não é sobre o quão reto está a linha, mas sobre confiança. O Doodle reforça o seu pensamento. Se o Doodle é inseguro, ele transmite uma incerteza sobre o que está fazendo”.

Uma vez que você encontre a mão firme, Torrance te convida a ir fundo. “Basta ter confiança para compartilhar o que você desenhou. As pessoas são muito receptivas. É muito semelhante ao falar em público. Você não tem que ser um fantástico ou conhecido orador para o conseguir apoio do público. O mercado provavelmente será mais tolerante e compassivo com você do que você é com seu próprio trabalho”.

A natureza pessoal de um doodle é o que também pode nos fazer hesitar compartilha o nosso trabalho, mas temos de empurrar esse medo para o passado. “Tenho trabalhado mais nos últimos 6 meses em minhas habilidades de desenho, acho que sou um desenhista melhor”. Medo e dúvida, ainda é uma relação saudável para se ter. “Isso nos torna mais críticos do nosso trabalho, e por sua vez, nos ajuda a melhora-lo”.

Elementos visuais podem ser uma maneira poderosa de direcionar leads através de seu conteúdo. Saiba como aproveitar a multimídia e outras táticas de storytelling com o nosso Buyer 2.0 Content Strategy Checklist.

Scott Torrance é o fundador da Flux Insights, uma agência de consultoria de negócios com sede em Dublin especializada em marketing de conteúdo e mídia social. Você pode ler mais sobre a viagem visual de Scott em scottydraws.com.

Texto traduzido do Blog Beyond PR, publicado por Jamie Heckler no dia 08 de outubro de 2015. Jamie é Gerente Criativa Senior na PR Newswire.

Traduzido e adaptado por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

Advertisements

Sobre PR Newswire
Distribuição de Press Releases e Monitoramento de Notícias. Distribución de Comunicados de Prensa y Monitoreo de Medios.

2 Responses to Por que Incorporar ‘Doodles’ em seu Content Marketing

  1. Pingback: 7 Passos para Melhorar o seu Visual Storytelling | Blog PR Newswire Brasil

  2. Pingback: As Melhores Dicas de Visual Storytelling de 2015 | Blog PR Newswire Brasil

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s