10 dicas de como tuitar quando se representa uma marca


Este post é uma adaptação/tradução do texto 10 Tips for Tweeting as a Brand, do Blog da PR Newswire Internacional, originalmente publicado em 29 de junho de 2011.

 

Desde a popularização do twitter, muitas empresas têm investido em manter um perfil no microblog como canal de comunicação com seus públicos-alvos. Mas para estabelecer um diálogo bem sucedido, é necessário ter em mente algumas noções básicas. Ser o porta-voz de uma empresa/marca na rede social é uma tarefa que exige profissionalismo, empatia e bom relacionamento.

Seus tweets podem ter um tom de conversa e ainda assim serem profissionais. Não há razão para que você não possa ter um pouco de personalidade, mas lembre-se: você está tuitando como @suaempresa e não como @você.

Dicas sobre como tuitar corporativamente:

1 – Encontre um mentor: Se você segue alguém que considera correto no twitter, aprenda com o exemplo. Sobre o que ele tuíta? Com qual frequência ele tuíta? Com qual frequência ele retuíta (ele usa o botão de retweet ou dá um retweet manual?). Quando e como ele responde aos tweets negativos? E aos positivos?

2 – Seja positivo: Por mais tentador que possa parecer, não seja negativo, sarcástico ou irônico. Não importa o quão engraçado seja, sempre se lembre de que você está tuitando como uma sua empresa e não pessoalmente.

3 – Responda aos feedbacks negativos: Se alguém diz algo negativo sobre sua marca e você não responde, o tweet que persiste é o negativo. No entanto, há duas ressalvas: 1) Seja atencioso em sua resposta. Você não tem que responder imediatamente. É melhor ter tempo para pensar sobre sua resposta. 2) Cuidado com as tentativas de sedução. Pese os prós e os contras antes de responder. Se você decidir não responder publicamente, considere uma mensagem direta ao invés de um tweet público.

4 – Fique longe das polêmicas: Temas polêmicos (política, religião) são polêmicos por uma razão – há pessoas que estão veementemente de um lado ou de outro. Por que se alinhar aos extremos?

5 – Humor é subjetivo: Haverá sempre alguém que pensa que a sua piada é de mau gosto ou inapropriada, então para que você não tenha de censurar a si mesmo, fique longe de tópicos ou linguagem / gíria que possam ser mal interpretados.

6 – Peça uma segunda opinião: Se há algo que você gostaria de tuítar mas não tem certeza se é apropriado, peça uma segunda opinião. E se mesmo assim você não está totalmente seguro, siga a próxima regra:

7 – Em caso de dúvida, deixe para lá: Esta regra de ouro da escrita também se aplica aos tweets. Se você tem dúvidas, não tuíte.

8 – Não seja tão pessoal assim: Tuítar sobre música é inócuo. Tuitar sobre unha encravada não é.

9 – Procure seguir seus seguidores: Muitas pessoas podem não concordar, mas se a idéia é promover uma conversa com seus seguidores, o indicado é segui-los de volta. Isso mostra que você está mais aberto para interagir com seu público.

10 – Não se trata de @você: A mãe de todas as regras, a partir do qual todas as outras regras irão se suceder. Cada tweet representa sua empresa – seja de uma forma positiva ou negativa. Decida.

Anúncios

Sobre PR Newswire
Distribuição de Press Releases e Monitoramento de Notícias. Distribución de Comunicados de Prensa y Monitoreo de Medios.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s