Métricas Mídia Social: Engajamento & Alcance

Mesmo os profissionais de Relações Públicas ganhando competência em métricas e mensuração de mídia social, os nossos esforços podem ser prejudicados com as terminologias não muito claras.

Métricas Mídia Social: Engajamento & Alcance

Duas das palavras com terminologia mais confusas quando se trata de métricas são engajamento e alcance. Elas podem significar coisas diferentes em várias plataformas sociais e também para diferentes usuários.

Sim, nós podemos ser nerds no coração, mas os profissionais de PR têm necessidade por definições concretas para garantir que eles estão coletando dados corretos e completos. Com a ajuda do Media Rating Council (MRC), que publicou recentemente um Guia sobre Métricas de Mídia Social para ajudar comunicadores a coletar dados com precisão, explicamos a seguir o que realmente significa engajamento e alcance e como podem ser medidos.

Engajamento

Engajamento é tudo sobre como o público interage com você. Isso parece fácil, mas não é. A MRC quebra o engajamento em três categorias principais:

  • Interação
  • Redistribuição de Conteúdo
  • Defesa e influência

Interações podem ser rastreadas internamente através de cliques, conversões, downloads e saves, ou publicamente através de uma variedade de métricas, tais como:

  • +1s
  • Check-in’s
  • Likes
  • Comments
  • Hearts
  • Hashtags
  • Mention
  • Posts
  • Pins
  • Replies
  • Subscribes
  • Tagging, etc.

Redistribuição de Conteúdo é muito mais público do que interações, uma vez que precisa de que um usuário individual intencionalmente direcione ou promova o seu conteúdo para um grupo de usuários. Métricas usadas para medir o teor de Redistribuição incluem:

  • Emailing
  • Embeds
  • Linking
  • Mentions
  • Re-blogs
  • Re-pins
  • Re-tweets
  • Shares
  • Tagging

Defesa e influência são, indiscutivelmente, as métricas de engajamento mais difíceis de medir, simplesmente porque elas reunem uma grande quantidade de subjetividade. Você precisa saber quem é influente, para entender qual o nível de autoridade de marca que tem. Precisa de ajuda com isso? Comece aqui. Você pode avaliar a defesa e a influência com métricas como:

  • Intent: O público respondeu ao seu call-to-action? Eles vão comprar o seu produto?
  • Opinion
  • Semantics
  • Sentiment

Métricas Mídia Social: Engajamento & Alcance

Alcance

Há muitas dúvidas ao mensurar o alcance. De acordo com a MRC, o alcance é definido como a “única contagem total de usuários expostos ao conteúdo orgânico (não pago) ou pago”. Em outras palavras, a soma com a quantidade real de pessoas expostas por sua cobertura. Essa proposta é diferente outros termos semelhantes como “impressões”: quantidade de vezes que seu conteúdo é visto por um usuário. O Alcance pode ser expandido das seguintes formas:

  • Organic: Usuários expostos a seu conteúdo em seu formato original, de forma não paga.
  • Paid: Usuários expostos ao seu conteúdo em seu formato original de forma paga (por exemplo, conteúdo patrocinado)
  • Earned: Usuários expostos ao seu conteúdo (pagos e não pagos) em um formato re-distribuído (por exemplo, re-tweets, shares, reblogado, etc.)

Então, como você pode medir o alcance? O Buffer recomenda uma variedade de métricas, incluindo:

  • Awareness: Quantas menções on-line sua marca recebeu em semana? mês? ano?
  • Fans/Followers
  • Views, Impressions
  • Keyword Frequency: Quantas vezes o produto foi mencionado on-line

Antes que seus dados reflitam verdadeiramente seus esforços de Relações Públicas e Marketing, precisamos entender o que estamos medindo e por quê.

Texto traduzido do post escrito por Melissa Meyer no Blog Beyond Wire, no dia 11 de janeiro de 2015. Melissa é Assistente de Comunicação da CNW – PR Newswire.

Traduzido e adaptado por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

PR Newswire e Cision pretendem unir forças

Cision-PR_Newswire

Nós temos notícias importantes para compartilhar com você. A empresa Cision anunciou um acordo para aquisição da PR Newswire de nossa controladora, UBM plc. Essa transação, que necessita da aprovação regulatória, bem como dos acionistas da UBM plc, pode criar uma plataforma líder global em conteúdo de monitoramento, serviços criativos, distribuição multicanal e analytics, soluções abrangentes para relações com investidores, serviços para compliance, marketing de influência e ferramentas de mídias sociais.

O fechamento do acordo é esperado para o final do primeiro trimestre de 2016. Nós encorajamos você a ler nosso Press Release para informações adicionais.

Como você deve saber, a Cision é a empresa líder global de inteligência de mídia, fornecendo soluções completas para o atual fluxo de trabalho dos profissionais de comunicação, mídias sociais e marketing de conteúdo. Cision é parte da GTCR, uma empresa líder de private equity com extensa experiência em nosso segmento e longa história de parceria com empresas e equipe de gestores para auxiliá-los no atingimento de seus objetivos operacionais e financeiros.

A PR Newswire combina a liderança na indústria de monitoramento, produção de conteúdo multimídia, segmentação, distribuição multicanal e soluções de analytics para ajudar nossos clientes a alcançar todas as suas necessidades de comunicação e maximizar seu impacto. Nossas soluções para RP, RI, Marketing e Compliance permitem criar conexões profundas com a audiência, direcionar a demanda e medir os resultados em um workflow conveniente.

Os serviços da PR Newswire irão continuar…
tornando-se cada vez mais fortes

A força da marca PR Newswire permanece e o valor dos nossos serviços e capacidades únicos a nossos clientes são muito bem reconhecidos. De fato, após a transação ser finalizada, esperamos que nossas soluções melhorem ainda mais.

Após o fechamento da transação, nós não faremos mais parte de nossa controladora, a UBM plc, mas nos juntaremos a Cision e nos tornaremos parte de uma família de empresas privadas controladas pela GTCR. Como parte de uma empresa privada e com a escala criada pela nossa combinação com a Cision, as oportunidades de continuarmos investindo em inovação de Pesquisa & Desenvolvimento são maiores. Esperamos ganhar a flexibilidade estratégica necessária para nos movermos rápido e permanecermos na vanguarda das demandas de mercado e tendências.

PR Newswire e Cision criarão a mais completa plataforma de Comunicação.

A integração das soluções da PR Newswire e Cision beneficiarão todos os nossos stakeholders a longo prazo. A combinação de uma plataforma aprimorada fornecerá excelentes oportunidades a nossos clientes, colaboradores e parceiros de negócios.

Oferecendo o software de RP e Mídias Sociais mais completo do segmento, analytics potencializado e um time global provendo insights, a Cision possibilita aos clientes aprimorar seu marketing e fortalecer as decisões baseadas em dados. Juntos, PR Newswire e Cision estarão bem posicionadas para possibilitar aos comunicadores transformar dados em insights praticáveis – a conexão necessária entre comunicadores e resultados.

Importante ressaltar que a PR Newswire e Cision estarão aptas a fornecer a seus clientes os melhores serviços e tecnologia do segmento, relacionamentos aprofundados com a mídia e influenciadores, a maior rede de distribuição multicanal do mundo, analytics robustos e acesso as melhores referências em pensamento de liderança para tendências e melhores práticas.

Enquanto as aprovações regulatória e dos acionistas estão em andamento, o negócio de ambas as empresas segue normalmente, sem mudanças.  Compartilharemos informações atualizadas assim que as tivermos. Como sempre, agradecemos nossos clientes, colaboradores e parceiros de negócios pelo seu suporte contínuo enquanto seguimos na direção dos próximos capítulos do nosso sucesso.

Monitoramento de Mídia – As Melhores Dicas de 2015

A contagem regressiva continua! Com o ano chegando ao fim, estamos compilando as melhores práticas que você precisa saber para 2016. Veja mais dicas no post as melhores dicas de press release de 2015.

Monitoramento de Mídia – As Melhores Dicas de 2015

Embora PR e Content Marketing tenham foco exclusivamente na mensagem, os profissionais de Comunicação de hoje devem ser tão hábeis em decifrar dados, como em contar histórias.

Todos temos que fazer “mais com menos”, e analises são a chave para a tomada de decisões inteligentes e com eficiência. Saber como acompanhar tendências e mesurar nossos resultados, permite não apenas otimizar, mas também provar o valor do nosso trabalho.

Continue lendo sobre monitoramento de notícias e mensuração de resultados para saber como analises podem ajudá-lo a desenvolver uma estratégia de comunicação mais inteligente em 2016.

Seis Dicas Essenciais para Monitorar Mídias Sociais

(post em inglês)

A mídia social abriu muitas portas para as marcas. No entanto, com tanta informação, o desafio é encontrar o que é realmente relevante para nós.

Continuar o monitoramento da mídia social é a solução. Mas por onde começar? Este post anda através do básico: a quem, o quê, quando, onde, por que e como monitorar a mídia social.

“Por que” e “O que” Monitorar no Twitter

Claro que, para tirar o máximo proveito dos benefícios do monitoramento, é preciso olhar além do básico. Monitorar menções de marca é só o começo, mas os dados de mídia social têm muito mais valor.

Por exemplo, os dados de Twitter são usados por pesquisadores médicos para controlar a propagação de doenças, pelo US Geological Survey para acompanhar terremotos, pela indústria financeira para acompanhar as tendências e movimentos de mercado, e por jornalistas para acessar relatos de testemunhas durante as notícias de última hora.

Confira 10 maneiras diferentes de monitorar a mídia social para reunir informações de mercado e compreender as tendências com esta lista de tópicos para monitoramento.

Broadcast Renasce na Era Digital

(post em inglês)

Social Media não é o único tipo de mídia que você deve monitorar. Muitas plataformas tradicionais de mídia são fundamentais na formação da percepção do público.

Em particular a audiência para broadcast continua crescendo e oferece oportunidades para marcas que não podem ser encontradas em outro lugar.

Este artigo explora porque as organizações devem incluir jornalistas de mídia tradicional na sua estratégia de comunicação e como manter-se atualizado com os temas discutidos.

Como fazer Clipping de Notícias – Quantidade ou Qualidade?

O maior erro do monitoramento de marca é não ter as ferramentas certas para suas necessidades de Relações Públicas e Marketing. Você está realmente capturando tudo? Web, social, imprensa, televisão e rádio?

Este guia descreve como selecionar um serviço de monitoramento que fornece informação sobre jornalistas e formadores de opinião, as novas tendências para alavancagem, e potenciais ideias para criação de história.

3 Dicas para Monitorar as Mídias Sociais sem Problema

(post em inglês)

Pode ser tentador se envolver com o conteúdo. Se você parar e olhar para atrás pode acordar um dia e perceber que você acabou desperdiçado um monte de tempo em conteúdo que não consegue se conectar com o público.

Ao monitorar e mesurar a comunicação da sua marca, mantenha o foco e fique fora dessas três zonas de perigo.

Como usar Relatórios para Direcionar sua Estratégia Internacional de PR

(post em inglês)

Ao contar a história de sua marca em diferentes lugares e línguas, é essencial saber quem você está atingindo e por que você quer alcançá-los.

Embora a distribuição de press release para o público internacional possa transmitir a sua mensagem mais longe, o desafio consiste em medir o sucesso de seus esforços.

Aqui estão cinco dicas sobre como usar análises de press release para definir sua estratégia de comunicação global.

Você Sabe Quando está Viciado? A Netflix Sabe

Seu conteúdo não deve ser o que você acha que seu público está procurando, ele deve ser o seu melhor resultado para entregar exatamente o que eles desejam. A compreensão de como eles escolhem (ou não escolhem) interagir com a sua marca, fornece um feedback valioso que pode ajudá-lo a se comunicar melhor com eles no futuro.

Como a Netflix mostra neste post sobre como dados, observação e análises são parte importante para a criação de conteúdo.

Além de fornecer informações inestimáveis, o monitoramento de suas Relações Públicas e de métricas de Marketing irá ajudá-lo a demonstrar como seus esforços de direcionam tráfego geram leads, conversões e receita.

Este SlideShare do nosso webinar sobre o papel dos indicadores fornece detalhes sobre como conectar o seu conteúdo para os resultados e provar seu ROI. Veja, e na próxima semana te esperamos para a terceira parte de nossa série “O melhor de 2015”.

Texto traduzido do Blog Beyond PR, publicado por Amanda Hicken no dia 08 de dezembro de 2015. Amanda é Gerente de Estratégicas de Conteúdo na PR Newswire.

Traduzido e adaptado por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

7 Dicas para a Equipe de Redes Sociais… de uma Pessoa

7 Dicas para a Equipe de Redes Sociais... de uma Pessoa

Bem-vindo à equipe de Social Media! Número de colaboradores? Um, você!

Mídia Social se tornou vital para qualquer estratégia de Marketing e Comunicação. Com tantas plataformas disponíveis, criar conteúdo social e manter sua presença social é um trabalho em tempo integral. Na verdade, muitas vezes exigir uma equipe de profissionais. Muitas vezes, pequenas e médias empresas, não têm os recursos necessários para manter uma equipe de social media completa, com isso elas tendem a deixar uma pessoa responsável, que provavelmente deve equilibra-la com outras tarefas de Marketing e Relações Públicas. Aqui estão sete dicas de como você pode reduzir proporcionalmente a sua promoção em mídia social para o profissional que trabalha sozinho:

1. Auto publicar posts nas mídias sociais

Para começar suas publicações sociais e economizar tempo, o Hubspot recomenda ligar o “Auto Publicar” para os seus posts de blog. Isso permite que seus posts sejam postados automaticamente em suas contas de mídia social, para que você não tenha mais essa tarefa para promover seu conteúdo. Essa tática está disponível, literalmente, com um clique.

2. Escreva vários posts sociais para o mesmo conteúdo

Você não quer que suas contas de mídia social sejam vistas como repetitivas, por isso escrever vários posts do mesmo conteúdo permite que você o possa promover várias vezes. Duplicar a mesma informação aborrece o seu público e pode levá-lo a deixar de seguir você.

Adrienne Smith, do Justworks, sugere escrever quatro versões por conteúdo, isso permite que você promova seu trabalho com frequência e não exige a publicação de mais conteúdo. Ela sugere que o texto de seus posts sejam com base em:

  • Título do post
  • Citações no texto
  • Pergunta reflexiva
  • Números e estatística

3. Na falta de plano, planejado falhar

Este foi o lema da minha professora de ensino médio, mas de acordo com CoSchedule, usar um calendário editorial de mídia social pode aumentar cliques em 3.150%, então eu acho que a minha professora não estava tão errada! Mesmo que possa parecer entediante, criar um calendário é válido, especialmente quando você é uma equipe de uma pessoa só. Deve haver três camadas em seu calendário editorial social media:

  • Calendário Amplo Geral: Se concentra em temas amplos e que você pretende agendar conteúdo para os próximos 4-6 meses.
  • Calendário de Conteúdo: Essa camada é muito mais detalhada e contém conteúdo específico para promover (posts de blogs, whitepapers, press releases, webinars, etc).
  • Calendário de Distribuição: Esse calendário editorial se concentra em compartilhar seu conteúdo e é onde você deve atribuir datas específicas para compartilhar certos conteúdos oferecidos, e em quais plataformas você vai compartilhá-los.

4. Programação em massa

Há tantas ferramentas e aplicações disponíveis hoje para ajudar você com a gestão de mídias sociais, como Hootsuite, Tweetdeck e CoSchedule. Agende agora sua promoção social através das diferentes plataformas para os próximos dois meses, embora um artigo do HubSpot recomendar o agendamento de conteúdo para os próximos seis meses!

Certifique-se de fazer uma verificação semanal ou bissemanal de sua programação para garantir que suas mensagens são relevantes e que você possa mudar ou editar mensagens para coincidir com eventos e outras ocasiões.

Outra observação importante é estar ciente dos acontecimentos atuais e não se esqueça de desligar seus posts regulares se houver um trending topic mundial, como um desastre natural ou uma notícia de última hora. Não só seus posts programados não serão lidos, como as pessoas tentam a absorver as últimas notícias, e suas mensagens podem parecer insensíveis e apáticas as questões atuais e podem irritar as pessoas.

5. Re-compartilhe seu melhor conteúdo

Se um post foi bem recebido pelos seus fãs, é possível que outras pessoas, que realmente gostariam de ler este conteúdo, tenham perdido sua publicação. Então, por que não re-compartilhar?! Quando seus melhores posts são recheados com novos conteúdos, não há nenhuma razão para que você não deva promover os que são mais velhos. Apenas esteja ciente da “Lei dos Resultados que Diminuem” e não promova o mesmo conteúdo o tempo todo.

7 Dicas para a Equipe de Redes Sociais... de uma Pessoa

6. Não tente estar em todos os lugares

É claro que é importante ter presença na mídia social, mas controle-se. De acordo com a Simply Measured, é muito mais benéfico se concentrar em um número seleto de plataformas que seus clientes e potenciais clientes estão realmente usando do que tentar enviar mensagens por todas as plataformas de mídia social que você pensar. O público espera conteúdo de qualidade e promoção consistente, o que pode ser facilmente alcançado com poucas plataformas. A última coisa que você quer é uma conta de mídia social adormecida para os usuários tropeçarem.

7.Use sua empresa para ajudá-lo a promover conteúdo

Você pode ser a equipe de mídia social de uma pessoa, mas é provável que uma organização tenha mais membros, estejam no RH ou no time de vendas, eles usam as mídias sociais diáriamente. Use-os como defensores de sua marca e incentive-os a re-tweet, postar no Facebook e compartilhar no LinkedIn. Vale a pena implementar alguns códigos e prática quando se considera essa tática para assegurar que a imagem de marca e as marcas mencionadas estejam separadas dos tweets pessoais ou mensagens de seus colaboradores. Por exemplo, é simples como garantir que cada um dos status dos colaboradores em sua Bio do Twitter, diga que “essas são minhas opiniões e não as do meu empregador”.

Envolva-se com estas dicas! Elas ajudarão a gerenciar sua mídia social de forma mais eficaz, permitindo que você se concentre em outras tarefas e deveres que seu trabalho do dia-a-dia exige.

Se você quer saber mais e ter outras dicas de como controlar com sucesso sua marca em toda a web, faça o download do guia gratuito da CNW de hoje.

Você é uma equipe de mídia social de uma pessoa? Quais são suas melhores dicas para gerenciar as mídias sociais? Diga-nos nos comentários abaixo ou tweet para nos @CNWGroup.

Texto traduzido do post escrito por Amy-Louise Tracey no Blog Beyond the Wire, no dia 24 de novembro de 2015.

Traduzido e adaptado por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

Top 10 – As Campanhas Mais Virais de 2015

“Friends Furever” é o viral mais compartilhado em 2015. O vídeo retrata a amizade entre animais de diferentes espécies. O estudo da Unruly, empresa especialista em vídeos online, aponta que o comercial do Android conquistou quase 6,5 milhões de compartilhamentos.

Top 10 – As Campanhas Mais Virais de 2015

Metodologia: O ranking é desenvolvido com base no número de “shares” de cada vídeo. Os dados foram coletados entre o dia 01 de janeiro e 16 de novembro, levando em conta apenas os vídeos comerciais lançados em 2015 e descantando trailers e programas de TV.

Confira as 10 comerciais mais virais de 2015:

#1. Android – 6.43 milhões de shares

“Friends Furever”


 

#2. Disney Parks – 3.94 milhões de shares

 “Disney Characters Surprise Shoppers”

#3. Purina – 3.02  milhões de shares

 “Puppyhood”

#4. Roc by Ronaldo – 2.99 milhões de shares

“Cristiano Ronaldo in Disguise”

#5. Budweiser – 2.80 milhões de shares

 “Lost Dog”

#6. The Ad Council – 2.74 milhões de shares

“Love Has No Labels”

#7. Zorba – 2.63 milhões de shares

 “Maya”

#8. Fanpage.it – 2.36 milhões de shares

 “Slap Her – Children’s Reactions”

#9. Microsoft – 2.11 milhões de shares

 “Robert Downey Jr. Delivers a Real Bionic Arm”

#10. Kleenex – 2.02 milhões de shares

“Unlikely Best Friends”

Por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

 

Top Influenciadores – Especialistas em Relações Públicas

Popularidade, ou número de seguidores é uma medida de influência? Essa foi a pergunta respondida por Bernardo A. Huberman no post Como Identificar Influenciadores nas Mídias Sociais traduzido na semana passada e publicado aqui no Blog.

Top Influenciadores - Especialistas em Relações Públicas

Popularidade é importante. As pessoas mais influentes em seu mercado, quase sempre têm um grande número de seguidores. Por exemplo, o presidente americano Barack Obama com seus mais de 66 milhões de seguidores no Twitter é um influenciador. Mas Bernardo destaca que em todas as redes sociais existe um grande número de contas inativas, isso torna essa métrica questionável.

Quem são os influenciadores?  Huberman defende que o engajamento do público é a métrica mais eficaz para identificar um influenciador. Pessoas que se dedicam de alguma forma, seja compartilhando, curtindo ou comentando as publicações de um indivíduo, fazem dele um personagem influente.

Fazer essas ações é destacar que determinado conteúdo fala conversa com a audiência de alguma forma. Enquanto comentários podem ser positivos ou negativos, curtir um post é a aprovação do usuário sobre aquele conteúdo. Compartilhar é uma ação mais significativa ainda, por tornar a mensagem propriedade do usuário, algo com que ele se identifica e quer ser representado nas redes por aquele conteúdo.

O que é o Klout. Em resumo, o Klout é uma plataforma que mede a influência de usuários nas redes sociais com notas de entre 0 a 100. A pontuação leva em consideração uma série de fatores ligados ao conteúdo compartilhado e influência dos contatos que recebem seus posts. Que por sua vez é medida de acordo com o engajamento recebido pelas publicações, como o número de “curtir” e comentários recebidos, além de quanto tempo um tweet leva para ser retuitado ou curtido. Seguindo a mesma linha de raciocínio de Huberman.

A influência de um usuário nas redes sociais não pode ser analisada apenas pelo número de seguidores, followers ou por sua ampla conexão. Um influenciador deve ser analisado pelo engajamento que seu conteúdo recebe.

Top Influenciadores – Especialistas em Relações Públicas

Quem são os “top” influenciadores em Relações Públicas? A PR Newswire fez o levantamento dos usuários/contas nas redes sociais que são reconhecidas pelo grau de influência que tem com seu público. Veja algumas das 10 top pessoas/marcas mais influentes em Relações Públicas:

Mark Ragan

Mark Ragan

Com um social score de 72 pontos, Mark Ragan é um dos primeiros colocados no ranking do Klout PR. Além de um forte influenciar, Mark é CEO da Ragan Communications e editor do PR Daily.

PR Newswire

PR Newswire

A PR Newswire tem um social score de 69 pontos. Grande parte do engajamento recebido vem da publicação de press releases e publicações em seu blog chamado Beyond PR, voltado aos profissionais de Relações Públicas. Já o serviço de distribuição de press releases da PR Newswire é reconhecido em todo o mundo por diversos públicos como jornalistas, blogueiros profissionais de Marketing e Comunicação.

PR Daily

PR Daily

Muito próximo a PR Newswire, o PR Daily tem 68 pontos de social score. E é o um site de que oferece notícias, conselhos e opiniões sobre Relações Públicas, Marketing, Mídia Social e Jornalismo com publicações diárias.

Edelman

Edelman

É uma das maiores agências de comunicação e marketing do mundo. Com 74 pontos de social score a agência se destaca por ser uma das empresas que mais influenciam o mercado de Relações Públicas nas redes sociais.

Stephen Waddington

Stephen Waddington

Com 73 pontos de social score, Stephen Waddington é sócio e Diretor de Engajamento na KetchumPR, agência de Relações Públicas e Assessoria de Imprensa. Além de ser professor na Universidade de New Castle.

PRWeek US

PRWeek US

O perfil official do Twitter da PRWeek US recebe 65 pontos de social score. Sua influência se destaca pelas analises e opiniões em PR, Marketing e sobre o mercado de Comunicação.

Crosby Noricks

Crosby Noricks

Fundadora do PR Couture, Crosby recebeu 65 pontos de social score. Crosby trabalha com Storytelling, pensando na estrategista de conteúdo para marcas fashion e o mercado de moda.

PRSA

PRSA

A Sociedade Americana de Relações Públicas não poderia ficar fora dessa lista, e recebeu 66 pontos de social score. É uma das maiores organizações para profissionais de Relações Públicas com mais de 22 mil profissionais de PR e Comunicação.

Quem são os influenciadores no seu mercado? Visite o Klout e identifique quem são eles, como trabalham e o que publicam para estar entre os formadores de opinião no seu setor. A plataforma é muito simples e fornece informações importantes que podem agregar mais informação em suas atividades.

Se você quiser saber como se relacionar com influenciadores e outros públicos estratégicos, entre em contato com a PR Newswire.

Por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 92 outros seguidores

%d bloggers like this: